Blog – Full Width

by

Como funciona o Google Ads – Hotéis!

Cupom Google Ads? 🧐

Cupom de desconto Google Ads? 🤔

Como funciona o Google Ads? 😕

Com certeza essas perguntas fazem parte do seu dia-a-dia, não é?

Buscamos diferentes maneiras de aumentar e melhorar a venda de reservas dos nossos clientes. Entre elas, firmamos uma parceria estratégica com Mister Ads e gostaríamos de compartilhar com todos.

Trouxemos ao Brasil mais de 10 anos de experiência e expertise específica em criação, gestão e otimização de campanhas publicitárias. Alta performance em gestão de campanhas para Google Ads e Facebook Ads.

Podemos te ajudar a vender mais e a vender melhor!

Em tempos de pandemia, há de se aproveitar absolutamente todas as oportunidades e possibilidades de venda. O Google Hotel Ads é a ferramenta do Google dedicada ao mercado hoteleiro, onde você pode atrair reservas diretas e em pé de igualdade com as OTA’s, pelo seu preço mais baixo.

Neste exato momento há milhares, talvez milhões de pessoas digitando suas necessidades e desejos no Google, no Facebook, no Instagram e nos metabuscadores como Trivago, TripAdvisor e Skyscanner.

Faça o seu hotel chegar direto até eles!

Obtenha o melhor custo por clique, por Lead e por conversão em cada reserva.

E para melhorar, dobramos a sua aposta na primeira campanha.

Faça um teste com o seu Hotel. Vai ver que realmente funciona.

Estamos orgulhosos dessa nossa última aliança. Estamos ansiosos para poder contribuir com o seu Hotel.

Seja bem vindo e agende uma reunião gratuita conosco.

by

Marketing, Booking & Tecnologia.

Já vendo a preços muito baixos. 🧐

Como saber qual o melhor preço. 🤔

O que o cliente vai pensar? 😕

Certamente os preços dos seus quartos estão baixos.

Você se faz essa pergunta o tempo todo, certo?

Mas, como sabê-lo? Pois é, já existem ferramentas que se ocupam automaticamente de todo o trabalho mecânico e demorado. Sabemos a realidade do seu destino, país e concorrentes.

É com essas e muitas outras informações que podemos contar para criar a melhor estratégia para aumentar as vendas do seu hotel. Através da nossa ferramenta de inteligência de mercado e automatização de preços podemos resolver por completo a questão de TARIFÁRIO e PREÇOS na sua vida.

É com muita emoção que anunciamos a nossa parceria com a RoomPriceGenie, uma empresa com alma Suíça e sede Alemã que abraçou conosco o desafio de vender mais e vender melhor para os hotéis do Brasil.

Tire e resolva por completo o problema de preços no seu hotel. Nós cuidamos disso por você, de forma automatizada e ultra-sofisticada.

São centenas e centenas de algoritmos, cálculos, códigos e considerações feitas e analisadas no mercado para chegar à sugestão mais precisa do preço ideal.

A percepção momentânea do cliente durante a sua jornada e no ato da compra é o fator mais relevante e delicado para uma estratégia. A equação Preço versus Valor é extremamente tênue, dependendo de como é apresentada ao cliente.

O preço de um produto está diretamente relacionado a sua demanda. Desta forma, aplicamos a mesma máxima do mercado: Oferta x Demanda.

Buscamos diferentes maneiras de aumentar e melhorar a venda de reservas dos nossos clientes. A primeira delas é e sempre será a organização da casa própria antes.

O seu hotel já pode vender mais com o que tem!

Queremos te ajudar a vender mais e a vender melhor!

Queremos entender quais são os seus principais problemas relacionados às reservas, às vendas e a todo o departamento comercial.

Seja bem vindo e agende uma reunião gratuita conosco.

by

Marketing, Booking & Tecnologia.

O nosso site está bom. 🧐

O Booking é caro, mas pelo menos vende. 🤔

Minha tarifa já está muito baixa. 😕

Amigo hoteleiro, estamos juntos nessa caminhada. #tamojunto

O mundo das reservas hoteleiras tornou-se muito complicado de se entender.

Atentos aos problemas dos nossos clientes e parceiros, construímos mais uma parceria estratégica específica para gerar resultados positivos ao seu Hotel. Damos as boas-vindas a Web Socorro. Sinergia e conhecimento são os pilares dessa fusão.

Em constante construção e adição de conhecimento, nasce uma nova possibilidade de proporcionar ao hotel um resultado ainda mais positivo, agressivo e relevante: Mostre a sua Marca, hoteleiro! Faça o marketing da sua própria marca.

Lembre-se que o Booking, o Expedia e o Hotéis.com são apenas Marketplaces e o seu hotel é mais um produto nas suas prateleiras.

Não espere vender mais, sem fazer mais!

Vivemos uma realidade onde as OTA’s já não conseguem gerar a mesma venda de uma vez, pois o cliente mudou, os padrões mudaram.

Portanto, a maneira de vender reservas também mudou.

Unimos 18 anos de experiência na indústria hoteleira aos 12 anos de experiência em tecnologias e distribuição entre canais de vendas e fornecedores da mesma indústria.

Buscamos diferentes maneiras de aumentar e melhorar a venda de reservas dos nossos clientes. A primeira delas é e sempre será a organização da casa própria antes.

O seu hotel já pode vender mais com o que tem!

Queremos te ajudar a vender mais e a vender melhor!

Queremos entender quais são os seus principais problemas relacionados às reservas, às vendas e a todo o departamento comercial.

Seja bem vindo e agende uma reunião gratuita conosco.

by

9 Dicas sobre Precificação Dinâmica para Hotéis

Administrar um hotel é um trabalho duro! 💪🏼

Precificação fica sempre para segundo plano e foco é a experiência do hóspede. Infelizmente, as pessoas que dedicam quase toda a energia para os hóspedes podem estar perdendo muitas oportunidades de lucro.

Já ajudamos centenas de hotéis a maximizar e otimizar suas tarifas, de forma a obter o máximo potencial dos seus hotéis. E sem perder o foco na experiência do hóspede! 

Abaixo estão alguns dos nossos aprendizados, onde identificamos oportunidades para os hoteleiros. A grande maioria falhou em todos os pontos.

Identificamos 9 oportunidades desperdiçadas:

  1. Ter um tarifário fixo para o ano todo; (Ou apenas 2 tarifas: De alta e baixa temporadas)

Mesmo que o mundo já esteja bastante avançado, praticar preços fixos ainda é um costume comum entre os hoteleiros. Não ter estratégia é sempre mais simples. Por exemplo, ter apenas um ou dois tipos de tarifa e distribuí-las por todos os canais de venda é muito mais fácil e toma muito menos tempo do que ter vários planos tarifários. Isso é uma verdade absoluta entre hoteleiros que relutam em investir em tecnologia e sistemas de preços dinâmicos. Hoje já existe muita oportunidade de melhoria de preços de acordo com a demanda, na medida em que o seu hotel está ficando lotado ou vazio.

  1. Preços muito baixos

A maioria dos hotéis teria um faturamento maior se cobrasse em média preços um pouco mais altos. Isto foi provado em uma pesquisa. E com a nossa experiência, podemos comprovar que hotéis pequenos estão mais aptos do que os grandes a desfrutarem disso.

Há algumas razões por que eles não cobram mais caro. É uma combinação de fatores, entre eles o medo de ficar com quartos vazios, não querer que as suas notas e comentários reduzam, ou simplesmente por que os clientes frequentes estão acostumados ao preço.

Geralmente eles não prestam atenção em claros sinais que indicam que os preços estão baixos, sinais como encher muito rápido para uma data específica, não estar atento aos eventos locais do destino e ou a nota de custo-benefício nas OTA’s. Ignorando esses indicadores, os hoteleiros em geral não percebem o valor das suas marcas e perdem a oportunidade de aumentar o faturamento.

  1. Não oferecer preços diferentes para Dias de semana e Fins de semana

Para a maioria dos hotéis, a Segunda-feira é um dia pior do que a Quarta-feira. Para muitos hotéis de lazer, o Sábado é mais procurado que a Sexta-feira, mas geralmente têm o mesmo preço.

Cobrar o mesmo valor em todos os dias da semana mostra que você não está aproveitando a diferença na demanda dos diferentes dias. Qualquer hotel que tenha preços mais baixos que o seu na Segunda-feira, terá mais clientes na Segunda-feira. Quando algum outro hotel cobra um preço mais alto na Quarta-feira, ele terá mais faturamento do que o seu, pois sabe que venderá a reserva de todas as formas. Os hoteleiros deveriam prestar mais atenção nos seus ciclos de demanda de mercado.

  1. Não responder à demanda no tempo certo

Precificação não é algo que podemos configurar e esquecer. A demanda por hotéis é flutuante, muda o tempo todo e a resposta a esse fator deveria ser dinâmica também. Infelizmente, sem uma ferramenta que faça esse trabalho por você, é complicado triunfar. Por exemplo, o Steve gasta de meia hora a uma hora por dia em precificação no seu hotel. Mesmo assim, ele não consegue ver todas as mudanças de preços necessárias que deveria fazer.

Se você não é capaz de antecipar e prever períodos com alta demanda de reservas, sem dúvida estará perdendo faturamento. Ou seja, se você está tendo muitas reservas muito cedo, deveria aumentar os preços.

Por outro lado, geralmente os hoteleiros demoram em reduzir os preços na hora certa e acabam por reduzir muito na última hora. Em muitos casos, a redução do preço vai muito além do que eles gostariam de ter que ir.

Portanto, ter uma ferramenta de preços dinâmicos como a nossa pode realmente ajudar a resolver a questão mais relevante de um negócio: o preço do seu produto de venda.

  1. Perder oportunidades de eventos importantes

Shows, eventos esportivos, festivais, feiras, exposições e feriados escolares. Todos esses acontecimentos influenciam na sua demanda e, em consequência, nos seus preços. Porém, muitos hoteleiros não prestam a devida atenção nesses fatores e quando percebem já é tarde demais, isto é, se percebem.

Quantas vezes você já vendeu os seus quartos muito tempo antes, por um preço mais baixo, simplesmente por que não prestou atenção no calendário do seu destino e perdeu algum evento? Você precisa estar antenado aos acontecimentos na sua região e antecipar-se à demanda, pois tudo muda muito rápido e você chegará atrasado na maioria das vezes. Uma vez mais, um Sistema de Preços Dinâmicos pode te ajudar muito.

  1. Tipos de quartos sem sazonalidade

Agora, este tópico é um pouco mais avançado em termos de precificação dinâmica (ou deveríamos dizer estratégia de preços) e requer um conhecimento um pouco mais aprofundado de demanda, sobre diferentes tipos de quartos. Por exemplo, em hotéis urbanos de grandes centros, quartos individuais tendem a ser mais procurados durante os dias da semana, porém menos buscados nos fins de semana. Isto é devido a existir mais pessoas que viajam a negócios e buscam quartos individuais no meio da semana, bem como casais e famílias nos finais de semana. Isto é, a diferença de preços entre os quartos individuais deveria ser menor nos dias de semana, do que nos fins de semana. Semelhantes a isso, suites e quartos familiares são mais buscados em feriados escolares, ou seja, a diferença de preços comparada aos demais quartos deveria ser mais alta. Com uma ferramenta esses ajustes são muito simples e ainda por cima você pode deixá-los para nós. Vamos otimizar todas as possíveis oportunidades, obtendo mais faturamento em todas as datas do ano.

  1. Diferença muito pequena entre preços mínimos e máximos

Ao não ter uma razoável entre os seus preços mínimos e máximos, o seu hotel perde muito do potencial de venda. Ao cobrar R$100.00 em um quarto na baixa temporada e R$120.00 na alta temporada, você está deixando a desejar na captação de clientes e deixando de vender a um preço mais alto, quando eles já estão esperando pagar mais. Os clientes sempre esperam pagar mais na alta temporada e o medo de cobrar muito caro é o inimigo de muitos hotéis.

  1. Não usar restrições de Mínimo de diárias

Outra estratégia um pouco mais avançada que os hotéis podem adotar é a restrição na duração de estadias. Dizemos ‘mais avançada’, pois é necessário configurá-las corretamente. Mínimo de duração de estadia deveria ser usado quando você não quer que o seu preço seja muito alto, com medo de perder clientes, mas ao mesmo tempo você sabe que há muita demanda.

Vamos dizer que normalmente você cobra R$100.00 por um quarto, mas a ferramenta diz que você pode cobrar R$300.00 e mesmo assim lotar, o que você faria? Uma opção seria cobrar os R$300.00, porém outra opção seria você cobrar R$200,00 e estabelecer uma restrição mínima de 3 noites. Desta forma, você potencia o aumento de receita em outras noites próximas sem que seus clientes sintam preços abusivos.

  1. Não entender a real importância dos Preços Dinâmicos

Às vezes ainda nos deparamos com hoteleiros que relutam em ver o valor dos preços dinâmicos. Eles dizem que isso não é para o hotel deles, pois as coisas sempre foram feitas dessa maneira e funcionaram.

O problema é que a realidade do mercado da indústria hoteleira é muito dinâmica e o ambiente está em constante mudança. Enquanto antes as pessoas confirmavam uma reserva em um hotel pelo telefone, agora eles comparam o seu hotel com outros 100 antes de reservar. Se você não estiver atualizado, verá que está perdendo reservas para hotéis que usam precificação dinâmica para aumentar o faturamento e são capazes assim de bater o seu preço. Muitos hotéis novos abriram nos últimos anos, o Airbnb está fazendo com que muitos estabelecimentos de hospedagem se tornem “hotéis”, e cada vez mais hotéis independentes estão sendo absorvidos ou comprados por grandes redes hoteleiras; todos esses desenvolvimentos aumentam ainda mais a concorrência. Continuar no páreo significa estar mais dinâmico que nunca.

Conclusão

Precificar os quartos do seu hotel de maneira correta é provavelmente o fator mais relevante do seu negócio. Há muitas pequenas coisas que podem ser feitas para aumentar o faturamento significativamente, como mostramos. Mas, imagine agora por um segundo, combinar todos esses fatores e dados e montar uma única estratégia de sucesso.

Sabemos o quanto é difícil executar todas essas estratégias manualmente, mas a AgeMH pode fazer isso tudo por você, ao mesmo tempo, e com o preço que valoriza fortemente a marca até mesmo de um hotel pequeno.

Tem mais dúvidas, agende uma consultoria gratuita de 30′ conosco.

Faça um teste gratuito, você não tem nada a perder.

by

Como um pequeno Gênio da Matemática aumentará seu faturamento.

Este artigo é um Guest Post feito pelo nosso colega Gianluca Marongiu, parceiro comercial através da Swiss Hospitality Solutions, que oferece um serviço de alta gama em consultoria de gerenciamento de receita, terceirização e educação. O post é apenas uma tradução do seu artigo, no seu site.

Vemos a digitalização e a automatização como uma das grandes oportunidades para a indústria hoteleira, especialmente nos tempos de Covid-19. Implantar sistemas agora é mais recomendado, pois: a) os hotéis têm mais tempo para implementar as mudanças – ou mais tempo do que o normal, pelo menos; e b) quando a demanda é mais baixa, os erros custam menos. Vemos como um período perfeito para aumentar a eficiência operacional.

Por que não tentar com Preços Dinâmicos? Como especialistas na área, uma coisa é muito clara para nós: No mercado Suíço, um sistema de preços dinâmicos jamais será capaz de substituir um Gerente de Receita. O mercado Suíço é muito pequeno e a experiência e a prestação de serviços é extremamente diferenciada, devido ao alto número de hotéis independentes. A oferta e a demanda para hotéis de turismo e negócios dependem de inúmeros fatores, sobretudo quando clientes Suíços ou internacionais têm expectativas de preços diferentes.

Mas, qual Sistema de Preços Dinâmicos seria o mais recomendado para um típico hotel Suíço de 50 quartos?

Muitos hoteleiros estão se perguntando o mesmo no momento e nós gostaríamos de fazer o nosso comentário a respeito. Há muitas possibilidades disponíveis hoje em dia; diríamos que há mais de 100 empresas de sistemas de preços dinâmicos (RMS ou Revenue Management System) bem conhecidos no mundo; Todas prometem a mesma coisa: mais faturamento! Entretanto, os hotéis já comprovaram que um sistema de preços dinâmicos só produzirá um excelente resultado, quando monitorado e gerenciado pelo homem. Às vezes é muito claro perceber que um software não gera apenas custo extra, mas também gera mais trabalho. Softwares mais conhecidos, chamados de “Ferraris” do mundo do Preço Dinâmico são caros e precisam de um tempo de configuração de aproximadamente 12 meses, incluindo a implantação, a calibragem e os ajustes. Essa solução pode fazer sentido para hotéis urbanos ou corporativos, a partir de 100 quartos e com um Gerente de Receita fixo, mas para hotéis pequenos é inviável.

Durante as nossas pesquisas por parcerias comerciais no mundo dos Preço Dinâmicos, chegamos a esta ferramenta. Uma Startup Suíça que com a ajuda do Inno Suisse desenvolveu uma ferramenta de preços dinâmicos que contribui de maneira eficiente e com um custo-benefício excelente. A ferramenta pode ser instalada na metade de um dia e graças à facilidade de praticidade das configurações, o hoteleiro pode aplicar a sua estratégia e permitir que a máquina faça todos os cálculos.

A ferramenta é literalmente um “achado” para nós, sobretudo devido às suas funções muito práticas que permitem que os preços sejam atualizados diretamente no software de gestão (PMS) ou no Gestor de canais. Assim que você sentir-se seguro às recomendações do sistema, você poderá ativar a função do Piloto Automático. Porém, o controle geral dos preços sempre está nas mãos do hoteleiro ou do gerente de receita, com a opção de recusar as recomendações a qualquer momento, para qualquer data.

Nós acreditamos que podemos criar a interação perfeita entre o Homem e a Máquina para pequenos hotéis.

Agende uma demonstração gratuita conosco.

by

Quem vence? Um Gerente de Receitas ou um Sistema de Preços Dinâmicos?

Os robôs chegaram! 🤖

Eles estão tomando o controle! 🎮

Nenhum posto de trabalho está seguro! 👷🏽‍♀ 💪🏼️ 👷🏽

Isso é o que escutamos o tempo todo e, obviamente, empresas de Sistema de Preços Dinâmicos querem acreditar de uma vez por todas que a máquina vence o homem. Mas, isso é realmente verdade?

Já está provado que se você quer otimizar a receita e aumentar o faturamento do seu Hotel, você deveria estar usando um Sistema de Preços Dinâmicos. Porém, cuidado! A solução pode não ser tão simples. Este artigo vai te direcionar através de 3 opções possíveis:

  1. Contrate um Gerente de Receitas a tempo integral (Humano);
  2. Use um Sistema totalmente automatizado de Preços Dinâmicos (Máquina);
  3. Combine a capacidade do humano à potência da máquina (Ambos);

Mas, qual a melhor opção para o seu Hotel? Considere estes 4 fatores:

1. Custos 💰

Sabemos que contratar um Gerente de Receitas a tempo integral é uma solução cara. Se o seu Hotel tem uma realidade de faturamento e divisão de lucros alta, um Gerente de Receitas poderia garantir essa fórmula de sucesso. Através de uma análise de dados mais profunda, um especialista pode detectar oportunidades que uma máquina sozinha não o faria. Eles podem fazer ajustes e alterações baseados não apenas nos dados, mas na experiência profissional também.

Esta é uma ótima solução, se você puder pagar por ela. Porém, se o seu negócio estiver do lado mais fraco, na maioria das vezes o resultado extra produzido por um Gerente de Receitas serve apenas para pagar o custo do seu trabalho.

É possível que você não desfrute dos benefícios gerados, pois está gastando para descobrir que voltou à estaca zero, ou seja, obtém melhores resultados, mas o custo disso consome esse próprio resultado gerado. Neste caso, um Sistema de Preços Dinâmicos é uma solução mais lucrativa. Com menos custos, o seu Hotel pode implementar estratégias de um Gerente de Receitas, sem um alto custo. Você estará competindo com os grandes, sem pagar caro por isso.

2. Tamanho ®️

Falando claro, quanto maior for o seu hotel, mais complexas são as suas necessidades. Um hotel com uma grande quantidade de quartos, altas taxas de rotatividade e um público amplo geralmente requer mais atenção ao fator: Preços Dinâmicos.

Em hotéis pequenos a estratégia de preços está quase sempre focada na clientela, nos concorrentes e nos eventos locais. São fatores relativamente simples de rastrear e os resultados mais aparentes.

Grandes hotéis, por outro lado, têm necessidades mais complexas. Dinâmicas internas, como eventos ou convenções e até mesmo uma ampla variedade de tipos e categorias de quartos, bem como um perfil de hóspedes mais variado também. Além de todos os fatores também existentes em um hotel de pequeno porte. Desta forma, devido a maior necessidade de consideração de outros fatores, surge a necessidade da precificação dinâmica e flexível.

Portanto, neste sentido um grande hotel pode beneficiar-se muito com um Gerente de Receitas na equipe, pelo tanto de fatores complexos a serem considerados e controlados. Uma pessoa capaz de tomar decisões rápidas e acertadas em um ambiente de mudanças super rápidas que possa gerar benefícios ao hotel de maneira geral. Por outro lado, pequenos hotéis, com menos fatores a serem controlados e além do mais, menos complexos, não precisam ter um especialista para otimizar e maximizar suas oportunidades de aumento de receita.

3. Segmentação de mercado 💹

Quanto maior a segmentação de mercado com a qual você trabalha no seu hotel, maior deve ser a sua atenção para a precificação. Ao captar uma variedade de público tão grande, você deve ser capaz de oferecer o preço correto para cada segmento em particular. O preço certo para um determinado segmento de mercado pode não ser o melhor para o outro e, portanto, seria necessário o conhecimento de um Gerente de Receitas o tempo todo para poder tomar e aplicar as decisões de preços que geraram os melhores resultados possíveis para o seu hotel.

Vamos supor que o seu hotel trabalha bem com grupos, com clientes em viagens de negócios que reservam de última hora e ao mesmo tempo há um evento (Um show) importante na cidade. O preço dos seus quartos deve estar alinhado com cada segmento de mercado e ao mesmo tempo estar também adequado o seu cliente habitual.

Então, como uma alternativa para um Gerente de Receitas e para diferentes segmentos de mercado com interesses e necessidades similares, o seu faturamento pode ser facilmente gerenciado por um Sistema de Preços Dinâmicos.

4. Tempo 🕓

O tempo é sempre uma das essências na indústria hoteleira e mesmo que você se assegure de que está cobrando o preço certo na hora certa pelos quartos, pode ser que não tenha o tempo necessário para dedicar-se ao processo.

O Gerenciamento de Receita pode ser demorado, ainda mais se você tem uma equipe enxuta onde todos se dividem para realizar todas as tarefas do hotel. É difícil de imaginar ter tempo para o ato de sentar-se e avaliar os preços. Felizmente, um Sistema de Preços Dinâmicos pode fazer todo o trabalho demorado e complexo por você. Desde a avaliação sobre os melhores preços até a atualização automática do seu software de gestão e a atualização das páginas como Booking e Expedia, você pode usar o seu tempo para fazer o que sabe melhor: Hospedagem!

Se você é um Gerente de Receita, há sempre um monte de trabalho para ser feito e sem dúvida um sistema, se usado da maneira correta, pode gerar tanto economia de tempo quanto mais precisão na execução dos seus planos.

Juntando as peças

Não há uma solução genérica para cada hotel. Geralmente, se você tem um hotel grande com processos e necessidades mais complexas é interessante ter um Gerente de Receita fixo. Uma alternativa para pequenos hotéis que querem competir com os grandes é um Sistema de Preços Dinâmicos que beneficiará enormemente para o aumento da receita e em consequência, do lucro. Normalmente, pequenos e médios hotéis que não podem ter um Gerente de Receita na equipe se beneficiam com um aumento de 15% a 20% com o uso de ferramentas de Preço Dinâmico.

Então, qual é a melhor opção? Ambos! Um Sistema de precificação e um Gerente de Receita.

Se você já tem um Gerente de Receita no seu hotel, a melhor maneira de aproveitá-lo ao máximo é com um Sistema para auxiliá-lo. A nossa ferramenta é uma solução barata, eficiente e potente para ajudá-lo a executar a sua estratégia.

É impossível para um ser humano fazer tantos cálculos quanto um computador. Uma máquina pode ajudar com milhares de cálculos por dia. Ao mesmo tempo, a aplicação do conhecimento de um Gerente de Receita é essencial. O nosso sistema é o companheiro ideal para um Gerente de Receita. O nosso sistema é transparente a respeito do porquê precificar de forma A ou B, bem como permite a aplicação da maioria das estratégias. Ele permite que o Gerente de Receita aplique o seu conhecimento de mercado, criando um pequeno time-dos-sonhos entre homem e máquina, capaz de otimizar os resultados de uma máquina agindo sozinha. Em casos onde há um bom Gerente de Receita, RoomPriceGenie tem uma média de aumento e otimização de resultados de 5% a 7%.

O nosso Sistema de Preços Dinâmicos não oferece só integração total com o seu software de gestão, mas também um atendimento pessoal e facilitado para ajudar em todo o vai-e-vem do uso da ferramenta. Mesmo que você não tenha experiência alguma, não é um problema. Vamos te guiar, te dar muitas dicas e truques durante o processo para que o seu hotel tire o melhor e maior proveito possível da ferramenta.

Nós tivemos uma conversa com o Gerente de Receita e Diretor Master do Les Roches Global Hospitality, Scott Dahl, sobre qual o papel que um Sistema de Preços Dinâmicos deveria jogar, quando usado em conjunto com um Gerente de Receita. Assista aos nossos vídeos para ver como esses dois jogadores deveriam interagir.

Se você gostaria de saber mais a respeito do que fazemos aqui na AgeMH e como o nosso sistema poderia ser a solução perfeita para o seu Gerente de Receita, contacte-nos. Agende uma reunião para demonstração com um de nossos especialistas.

RPG: Finalmente, como funciona um Sistema de Preços Dinâmicos juntamente com um Gerente de Receita?

Scott Dahl Eu acredito que um Sistema de Preços Dinâmicos deveria, de certa forma, tornar o trabalho dos Gerentes de Receita mais fácil e rápido, mas jamais substituir a necessidade de tomar decisões aliada ao conhecimento de mercado.

Sei que computadores têm capacidade de fazer muitos cálculos simultaneamente, têm capacidade de coletar muita informação da internet de maneira muito mais rápida que qualquer humano, analisá-las e processá-las.

Então, eu realmente acredito que um verdadeiro Sistema de Preços Dinâmicos, quando há um Gerente de Receita em jogo, deveria proporcionar a este profissional a economia de tempo para que ele dedique a maior parte do seu tempo tomando decisões rápidas e relevantes, de forma que o sistema execute a maior parte das estratégias e o trabalho analítico, mecânico e demorado, os cálculos e a coleta de dados e informações sobre o mercado.

Fique ligado nas últimas tendências sobre Precificação Dinâmica, Marketing Digital e Tecnologias.

Agende uma demonstração gratuita conosco.

    Não existe uma fórmula exata! Você terá que combinar alguns fatores muito importantes, entre eles: Um pouco de mudança operacional dentro da empresa. Busca de novas tecnologias e humildade para excluir da sua vida o conceito: Sempre funcionou assim. #ficaadica

    ENDEREÇO

    TecnoCampus Mataró-Maresme
    Carrer d'Ernest Lluch, 32 - 08302
    Mataró, Barcelona
    España

    TELEFONE/WHATSAPP

    +34 695 729 032

    EMAIL

    info@agemh.com.br